Dermo Melan – Lançamento!

Dermo Melan – Lançamento!

Bioafinidade dermo epidérmica para o Clareamento & Controle da pele hiperpigmentada. Seguro para todos os fototipos cutâneos

O melasma é uma condição caracterizada pelo surgimento de manchas escuras na pele.São manchas extensas e sem delimitação. Podem ser de origem superficial ou profunda, conforme local do excesso de pigmentação.

:: Hipercromias pós inflamatórias – São originárias na pele como resultado de alguma lesão inflamatória já cicatrizada.

:: Efélides ou Sardas – São hipercromias características de pele clara, e, seu surgimento está relacionado à exposição ao sol e característica genética. Podem ocorrer na face, no colo e costas. Pode ser classificado com epidérmico, dérmica e misto:

Epidérmico – Aumento da pigmentação na camada basal e através de toda a epiderme, inclusive estrato córneo.

Dérmico – Depósito de melanina nos macrófagos perivasculares, ao redor dos vasos superficiais e profundos.

Misto – Excesso de pigmento na epiderme e na derme.

Os melanócitos encontram-se na camada basal e apresentam dendritos que se espalham entre os queratinócitos.Os melanossomas são as organelas responsáveis pela produção de melanina através da ação da tirosinase.

Os pigmentos ficam armazenados e posteriormente são liberados através dos dendritos dos melanócitos. A cor da pele está relacionada ao tipo, tamanho, número e distribuição dos melanossomas. O elemento essencial da formação da melanina é a tirosina, um aminoácido que sofre ação química da enzima tirosinase.

Em presença de oxigênio, a tirosinase oxida a tirosina em dopaquinona, e a partir desse momento, a presença ou ausência de cisteína determina a síntese de eumelanina ou feomelanina.

:: Eumelanina: polímero na cor marrom, que origina cor castanha ou preta. Absorve e dispersa a luz ultravioleta, atenuando sua penetração e reduzindo efeitos nocivos do sol.

:: Feomelanina: polímero de cor amarelada- avermelhada. Apresenta grande potencial em gerar radicais livres em resposta à exposição solar. Pessoas com alta quantidade de feomelanina apresentam maior risco de dano epidérmico.

O α-MSH é um hormônio relacionado à melanogênese, mediado pelo receptor MC 1-R é expresso na superfície dos melanócitos. A ligação do α-MSH ao MC 1-R desencadeia funções como: formação da melanina, armazenamento e distribuição do pigmento para os queratinócitos.

Um único mecanismo de ação não é suficiente para agir efetivamente na inibição de toda cascata melanogênica.
Dessa maneira é necessário agir simultaneamente com diversos mecanismos de ação diferentes que irão resultar em um clareamento efetivo e controlado da pele.

::: I . N . O . V . A . Ç . Ã . O :::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

DermoMelan

Tratamento facial indicado para o clareamento da pele hiperpigmentada através da aplicação de substâncias-chaves com bioafinidadedermo epidérmica que controlam a melanogênese.
Com uma associação de substâncias específicas, oferece um tratamento diferenciado para clareamento de hipercromias cutâneas, pois controla a síntese da melanina, a distribuição e a repigmentação.

dermo-melan-esfoliante-quimicoDermoMelan Esfoliante Químico
Peeling Químico concentrado com ácidos que promovem uma intensa renovação celular e ação clareadora.

Ativos
Lipo Ácido Málico: ácido associado à molécula lipofílica para maior afinidade e permeabilidade cutânea. Atua no clareamento efetivo das hipercromias faciais com ação rápida, favorecendo imediatamente a luminosidade.
Bio Alfa Hidroxiácidos: potente complexo esfoliante químico formado por Ácido Glicólico, Lático, Cítrico, Tartárico, Málico, Cítrico de Limão e Laranja. Possui ação completa para o tratamento de pele, agindo como queratolítico, clareador e acelera o turnover celular, com redução da espessura da pele.
Ácido Fítico: componente presente em todos os cereais e que apresenta intensa atividade clareadora por inibir a ação da tirosinase.
Ácido Kójico: potente clareador e inibidor da formação de novas manchas. Atua como quelante de íons cobre, inativando a ação da tirosinase.
Uva Ursi: possui 3 mecanismos no tratamento de hipercromias, como inibição da formação de melanina, descoloração química do pigmento já formado e remoção das células pigmentadas da superfície da pele.

dermo-melan-duoDermoMelan Máscara Duo
Máscara Iluminadora e Renovadora

:: DUPLA AÇÃO ::

Esfoliação Física e Química que aumentam o poder de permeação para melhor efetividade dos princípios ativos.
Argila Branca: rica em silicato de alumínio, promove o clareamento da pele e suavização da intensidade das manchas.
Hibiscus: com propriedades clareadoras, antioxidante e queratolíticas devido à sua composição rica em ácidos orgânicos como Ácido Tartárico, Cítrico, Málico e Hibisco.
Ácido Cítrico: alfa hidroxiácido extraído das frutas cítricas (laranja e limão) que atua como esfoliante químico da pele, e promove a renovação celular, afinamento e clareamento.
Lama Bioativa: Rica em componentes orgânicos é coletada das profundezas dos lagos Europeus.
Contém
Clorofila: com ação tonificante, regeneradora e antioxidante, anti-inflamatória.
Seus principais componentes são: Vitamina A, Complexo B, C e E, Sais Minerais, Proteínas e Carotenos.

dermo-melan-fluido clareadorDermoMelan Fluído Clareador
Com potente ação clareadora, iluminadora, antienvelhecimento e renovadora da pele. Atua como um filme oclusivo para intensificar a ação dos princípios ativos.

Ácido Undecilênico com Fenilalanina: atua como antagonista da α-MSH (essencial para a síntese de melanina), inibindo toda a cascata melanogênica, até sua distribuição.
Inibe a ativação da proteína Kinase A | Inibe a ativação Tirosina | Impede a ligação de α MSH em MC1R
Ácido Mandélico: potente ação contra fotoenvelhecimento e clareamento da pele.
D- Pantenol: rico em vitaminas do complexo B, possui propriedades regeneradoras, hidratantes e protetora da pele.
Bio Alfa Hidroxiácidos: potente complexo esfoliante químico formado por Ácido Glicólico, Lático, Cítrico, Tartárico, Málico, Cítrico de Limão e Laranja. Possui ação completa para o tratamento de pele, agindo como queratolítico, clareador e acelera o turnover celular, com redução da espessura da pele.
Uva Ursi: possui 3 mecanismos no tratamento de hipercromias, como inibição da formação de melanina, descoloração química do pigmento já formado e remoção das células pigmentadas da superfície da pele.
Hibiscus: com propriedades clareadoras, antioxidante e queratolíticas devido à sua composição rica em ácidos orgânicos como Ácido Tartárico, Cítrico, Málico e Hibisco.
Ácido Fítico: componente presente em todos os cereais e que apresenta intensa atividadeclareadora por inibir a ação da tirosinase.